Landing Page: O que é e qual impacto nas vendas?

Uma landing page é um verdadeiro coringa para um site, já que elas são criadas para converter. Ou seja, seu grande objetivo é capturar informações de potenciais clientes e, com os dados em mãos, garantir que você consiga converter esses visitantes inocentes em futuros clientes.

Mas, como se sabe, na internet nem tudo é fácil. Afinal de contas existem milhares de landing pages, que capturam outros milhares de contatos de clientes.

Para atrair clientes em meio a esse exército de concorrentes, é preciso que sua landing page seja, de fato, muito bem elaborada, algo que parece complicado à primeira vista, mas que é mais simples do que se imagina.

E, para provar, preparamos um texto com algumas sugestões que vão lhe mostrar que ter uma landing page que converta é mais simples do que parece. Confira.

landing pages, páginas de venda para infoproduto

Defina o público-alvo da sua landing page.

O primeiro passo para quem quer criar uma landing page que converta é definir
cuidadosamente seu público-alvo. Afinal de contas, como mencionamos no início desse texto, existem milhares de landing pages captando outros milhares de clientes.

Para atingir aqueles que tem potencial para se tornar os seus clientes é preciso que você defina claramente qual é seu mercado-alvo, ou seja, onde deseja atuar, e qual o cliente ideal para aquele produto ou serviço que você está ou pretende vender.

Ao preparar os elementos de sua landing page, como o título, o CTA, as imagens de apoio e os subtítulos precisam considerar o mercado-alvo que deseja atingir e a buyer persona com quem está ou deseja falar.

Ofereça algo atraente e relevante para captar leads e futuros clientes com a sua landing page.

O segredo do sucesso de uma landing page é sua capacidade de converter. Ou seja, de conseguir os dados de personas qualificadas para o seu negócio. Disso já sabemos.

Agora, vem uma dúvida muito importante: como convencer uma pessoa a passar seus dados pessoais a uma empresa? Ela precisa receber um prêmio, certo? E esse prêmio precisa ser muito bom para que essa pessoa ceda essa informação tão valiosa para você.

Quando falamos que precisa ser um presente bom não significa, necessariamente, que seja um bem material caro. Algumas vezes, um presente bom é algo relevante, que vai fazer a diferença na vida dessa pessoa.

Um exemplo disso são os conteúdos qualificados, que dialogam com um determinado público. Por exemplo, cursos muito bem elaborados, relatórios com dados consistes ou mesmo um webinar com um tema que desperta o interesse desse potencial cliente é um prêmio considerável por aquela pessoa ter lhe cedido seus dados.

Para montar esse presente sem erro, um passo interessante é montar um brainstorm e colocar nele os principais pontos-fracos de seu público-alvo. Com a ajuda de um recurso como o planejador de palavras-chave do Google, você conseguirá descobrir algumas palavras que nortearão o desenvolvimento desse conteúdo.

Importante mencionar que esse truque funciona para apenas um tipo de cliente. Quantos mais tipos você quiser atingir, mais conteúdos customizados terá de desenvolver, para atender às necessidades desse cliente.

Oferecer algo gratuito a esses potenciais clientes, como um bom e-book, por exemplo, é uma tática muito eficaz para elevar suas vendas. Afinal de contas, ao experimentar um bom produto gratuito, as pessoas são propensas a comprar algo pago que seja tão bom ou ainda melhor do que aquele material grátis a que tiveram acesso.

Assim, você conseguirá cumprir um dos objetivos da boa landing page, que é trazer uma pessoa para o seu site, ela voltar e continuar consumindo os produtos ou serviços que você vende. Assim, você estará fidelizando esse cliente.


Crie uma boa headline, com uma promessa irresistível e capriche na CTA

A headline (título) e o CTA (chamada pra ação) são elementos tão importantes em uma landing page que eles podem fazer com que ela tenha sucesso ou seja um retumbante fracasso.

Um caminho para isso é criar um título que realmente chame a atenção, como aquele escrito com uma fonte maior, que esteja praticamente gritando na frente do seu quase cliente, além de uma CTA bem persuasiva, que converta a pessoa para tomar uma ação.

Por isso, além de muito persuasivo, o botão de CTA precisa ser bastante visível, de forma que a pessoa não apenas o enxergue em sua landing page, como tenha uma sensação de urgência, de que o usuário precisa agir rapidamente.

Além disso, é muito importante que todas as seções criadas em sua landing page mantenham a essência do espaço, para evitar que o visitante não se sinta perdido ou desconfortável, não apenas permanecendo em sua landing, como também interagindo com o espaço e, ao final, fornecendo a informação ou tomando a ação que você deseja.

Torne sua landing page um local que inspira confiança.

Para que o seu cliente deixe os dados pessoais, como e-mail e telefone, na landing page ela não precisa apenas ter um texto forte, que lhe mostre o quanto ela é importante.

Você precisa ter confiança. Confiança de que seus dados serão preservados e que o espaço atenderá tudo aquilo que o cliente busca. Com esses cuidados, você terá uma boa landing page.

10 coisas que não podem faltar em uma landing page de alta conversão:

  1. Clareza de proposta de valor: destaque claramente o que o seu produto ou serviço oferece e por que é único.
  2. Call to Action (CTA) forte: direcione os visitantes a tomar uma ação, seja se inscrever em uma newsletter, baixar um material ou realizar uma compra.
  3. Design limpo e fácil de navegar: certifique-se de que a página seja visualmente atraente e de fácil navegação, para que as pessoas possam encontrar rapidamente o que procuram.
  4. Otimização para dispositivos móveis: a maioria das pessoas usa dispositivos móveis para navegar na web, então é importante que a sua landing page seja otimizada para celulares e tablets.
  5. Testes A/B: teste diferentes elementos da sua página, como o tamanho do botão CTA ou o layout, para encontrar o que funciona melhor e maximizar as conversões.
  6. Confiança e credibilidade: mostre por que as pessoas devem confiar em você, por exemplo, incluindo depoimentos de clientes ou selos de segurança.
  7. Imagens e vídeos de alta qualidade: inclua imagens e vídeos que mostrem o seu produto ou serviço de maneira atrativa e persuasiva.
  8. Conteúdo claro e conciso: evite jargões técnicos ou frases longas e confusas. Escreva o conteúdo da sua landing page de maneira clara e concisa, para que seja fácil de entender.
  9. Formulários de conversão: se o seu objetivo é coletar informações dos visitantes, como nomes e endereços de e-mail, certifique-se de que o formulário de conversão seja fácil de preencher e seguro.
  10. Análise e otimização contínuas: use ferramentas de análise, como o Google Analytics, para monitorar o desempenho da sua landing page e otimizá-la constantemente para melhorar as conversões.

Quer transformar sua presença online em uma máquina de vendas?

Entre em contato conosco agora mesmo e solicite sua proposta personalizada para criação de uma landing page de alta performance. Não perca mais tempo e aproveite nossa expertise para alcançar os resultados que você sempre sonhou.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *